sábado, 31 de março de 2012

Fascistas comemoram censura, torturas e assassinatos

Cerca de 80 militares da reserva e familiares se reuniram neste sábado em um quiosque na praia da Barra da Tijuca (zona oeste do Rio) para assistira a um salto de paraquedas em comemoração aos 48 anos do golpe de 1964.

Quatro coronéis pularam do avião carregando bandeiras do Brasil.

Ao contrário dos atos que aconteceram durante a semana no Rio, não houve manifestações contrárias.

Mais cedo, um avião sobrevoou toda a orla da zona sul carioca com uma faixa escrita "parabéns Brasil, 31 do 3 de 64".

"Sou macho, mas estou arrepiado", disse o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ).

Foi ele quem pagou R$ 2.000 pela faixa e voo. Ele deve pagar mais R$ 1.500 para um segundo voo no domingo.

Um comentário:

Anônimo disse...

Um dia alguém vai dar o mesmo destino ao Bolsonaro daqueles que ele ajudou a desaparecer. A vez dele chega...

Real Time Web Analytics